Ministro da Agricultura encerra conferência “Visões para uma Floresta de Futuro”

24 Novembro, 2016

O programa da segunda conferência integrada no Prémio Floresta e Sustentabilidade já está fechado: será no dia 14 de Dezembro e o local escolhido foi o auditório da Biblioteca Almeida Garrett, nos Jardins do Palácio de Cristal, Porto.

Luís Capoulas Santos, ministro da Agricultura, acabou de confirmar a sua presença e será responsável pelo encerramento da conferência Visões para uma Floresta de Futuro. 

A conferência terá o seu início, com a recepção dos convidados, às 15 horas. A nota de boas vindas pelo director geral da CELPA – Associação da Indústria Papeleira, promotora do Prémio Floresta e Sustentabilidade, será feita às 15h30.

José Manuel Palma, professor auxiliar de Psicologia do Ambiente e de Comportamento Humano e Ambiente da Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa, será o primeiro a lançar a sua ideia sobre a floresta portuguesa.

Segue-se-lhe o painel de debate, que repete o título da conferência, “Visões para Uma Floresta de Futuro”. Um painel heterogéneo, onde de destaca desde logo Frei Bento Domingues, colunista do jornal Público desde 1992; António Louro, presidente da Aflomação e do Forum Florestal (Estrutura Federativa da Floresta Portuguesa); João Paulo Catarino, vice-presidente da Unidade de Missão para a Valorização do Interior; João Soveral, da Confederação dos Agricultores de Portugal, e Rosário Alves, Directora Executiva da Forestis (Associação Florestal de Portugal).

A conferência terminará com um Porto de Honra, que marca também o encerramento das candidaturas, no dia seguinte (15 de Dezembro).

A inscrição na conferência